A Filosofia Taoísta. 8 de junho de 2018 – Publicado em: Artigos

Muitas pessoas perguntam o que é o taoísmo e sinto necessidade de simplificar o conceito para que todos possam assimilar.

O taoísmo é um conjunto de conhecimentos sábios, profundos e complexos sobre o funcionamento de todos os seres existentes (vivos ou inanimados) e suas relações entre si e com o nosso planeta.

Estão inclusas todas as leis de nossa conduta ética, social e espiritualista.

Todas as regras de tratamento alquímico e vibracional.

Ao contrário do que muitos pensam, o tratamento vibracional Taoísta, desde a avaliação até a orientação dos instrumentos terapêuticos, é baseado em regras concretas, fórmulas precisas, além da percepção próxima (observação) e sutil (intuição).

Nossos estudos são complexos e prolongados. Para se formar um profissional de saúde vibracional da linha Taoísta, a pessoa necessita primeiramente ter o dom e aceitar os princípios para que sua conduta de vida e profissional sejam coerentes.

Todo esse conhecimento necessita de um caminho persistente, árduo e humilde no que diz respeito à nossa abertura ao novo e ao não convencional. O preconceito é uma porta trancada. O único caminho que facilita a aquisição da Sabedoria é o desprendimento.

O Taoísmo não prega a perfeição, muito menos despreza o materialismo e as regras sociais atuais. Apenas sugere o não radicalismo (o equilíbrio) e o resgate à mãe Natureza, respeitando a ecologia, evitando prejudicar animais e plantas e aproveitando com dignidade toda a abundância material e espiritual que a vida nos proporciona.

É muito importante cuidarmos e valorizarmos nosso corpo físico, por gratidão ao empréstimo e pelo simples fato de que é nosso veículo básico para podermos estar presentes nesse mundo.

Nossa meta é a evolução espiritual, através da ampliação de nossos conhecimentos, das vivências práticas dos mesmos (ATITUDE) e da eterna troca entre nossos irmãos humanos e não humanos como os outros animais, vegetais e minerais.

Temos que nos conscientizar que todos nós estamos nesse planeta para evoluir, amadurecer e devemos nos ajudar mutuamente, sem criarmos expectativas, dependências ou cobranças; sem interferir abusivamente, invadindo sem pedir licença.

Isso tudo e muito mais é nos ensinado pelo Taoísmo, a base de todas as religiões orientais (Budismo e Hinduísmo, por exemplo) e das técnicas de tratamento originalmente vibracionais (Acupuntura, Ayurvédica, Reiki, Homeopatia, essências de cristais).

Mas como tudo tem dois caminhos… O ideal não é o frio ou o quente, mas sim o frio e o quente, transformando-se em morno = equilíbrio.

Segundo os princípios da Medicina Taoísta existem dois raciocínios de diagnóstico:
1- Sintomático, paleativo, imediatista, linear, que tem como objetivo o alívio dos sintomas e o reajuste das disfunções momentaneamente sem se preocupar com a origem do desequilíbrio ou da doença. Por exemplo: na falta de hormônios naturais, são indicados hormônios artificiais e químicos;
2 – Vibracional, Íntegro, Profundo, vulgo holístico.
Nesse caso, existe também a preocupação em aliviar os incômodos agudos, mas a intenção mais sublime é descobrir o grande vilão, entender a engrenagem do desequilíbrio e procurar reverter, para o sentido da saúde, naturalmente, através de mudanças no padrão do comportamento (psicológico e espiritual).

A integridade é a única conduta que pode nos levar à cura de qualquer doença física e emocional.

Por isso quando iniciamos um tratamento verdadeiramente taoísta (holístico) as primeiras manifestações são as mobilizações orgânicas e emocionais também conhecidas por reações. Na verdade são desintoxicações, isto é, a limpeza de tudo aquilo que não mais necessitamos e que está ocupando espaços impedindo dessa forma a entrada de algo novo, muito mais essencial e importante para o momento. (reciclagem).

Com exceção das doenças congênitas e genéticas como a síndrome de Down, por exemplo, e as consequências dos acidentes em geral, qualquer condição de saúde patológica pode ser revertida.

E mesmo nos casos irreversíveis, o tratamento vibracional tem muito recurso para melhorar a qualidade de vida e nos casos de acidentes, acelerar o processo de recuperação.

A Radiestesia Clínica é uma técnica que permite detectar exatamente onde estão os pontos frágeis no corpo físico, psicológico, mental e espiritual.

Muitas vezes detectamos uma doença no seu estágio inicial de evolução, permitindo a possibilidade de recuperação muito mais rápida e efetiva.

As essências Cristais de Oz são produtos vibracionais utilizados para reverter o desequilíbrio físico e psicológico. Primeiramente recarregando a energia de todas as nossas baterias (chacras), nutrindo dessa forma o terreno a ser tratado para poder nos auxiliar na mudança íntima de tudo aquilo que nos prejudica, valorizando ao mesmo tempo e aprimorando mais ainda tudo aquilo que já temos como qualidade.

« Energético não é estimulante; depressão não é tristeza.
Integral tem que ser Você e não apenas o arroz »